8 de julho de 2016

A noiva e o vestido dos sonhos

Post by Portofino Buffet

Patrícia Sabiá
Seja romântico, poderoso ou descolado, o vestido da noiva deve seguir apenas um princípio: traduzir sua personalidade e o tom do casamento. Não existe o melhor estilo, os melhores tecidos ou a cor correta. “O que realmente importa é o efeito desejado pela noiva ao atravessar o tapete em direção ao altar. Noiva quer ser noiva e ela deve impor sua personalidade!”, comenta a estilista de alta costura especialista em vestidos de noiva em Florianópolis, Patrícia Sabiá. Nessa entrevista, ela conta como escolher o modelo ideal para o grande dia.

Como fazer a escolha certa do vestido de noiva?
Patrícia Sabiá: Não existe o melhor estilo, os melhores tecidos ou a cor correta. O que realmente importa é o efeito desejado pela noiva ao atravessar o tapete em direção ao altar. O momento de escolher o vestido é muito importante e alguns pontos devem ser levados em consideração, como o local da cerimônia e festa e o horário do evento, além do número de convidados e estilo da celebração. Mas o ponto mais importante é respeitar o estilo e a postura pessoal da dona da festa. Antes de buscar um estilista e procurar fazer o seu próprio vestido, o ideal é fazer uma vasta pesquisa de modelos e referências. Esse ‘raio X’ é necessário para elas se reconhecerem no vestido, para então ver se o modelo realmente as encanta e sanar as dúvidas que surgirão. Após a primeira triagem, conversar com a estilista sobre seus gostos e as partes que mais gostou nos vestidos escolhidos é o próximo passo para a definição do modelo.

Quais são as tendências atuais para a alta costura de vestidos de noiva?
Patrícia Sabiá: A moda noiva é bem variada, mas apesar da grande tendência dos vestidos lânguidos estilo camisola, os modelos românticos tipo princesa continuam sendo os mais pedidos. Noiva quer ser noiva e chamar a atenção! Para as noivas mais ousadas e até descoladas, as transparências continuam em alta, porém de maneira mais sútil, agregadas aos detalhes do modelo. Ao invés do uso de tules transparentes como segunda pele, a preferência tem sido para rendas vazadas direto na pele.

Há regras para a escolha correta do véu da noiva? Se sim, quais são?
Patrícia Sabiá: O véu deve ser escolhido logo após a noiva definir o modelo do vestido. O véu é lindo e essencial, principalmente se haverá uma cerimônia religiosa para ter uma cobertura do corpo. A escolha deve levar em conta, além do modelo do vestido, horário do evento e, claro, o estilo da noiva. A noiva deve se atentar para que o véu tenha proporções ideais a fim de que o visual fique harmônico, além de evitar o excesso de informações. Os looks com modelagem sem volume, confeccionados em tecidos lisos e sem aplicações, por exemplo, podem contar com véus mais elaborados e com detalhes. Mas se o vestido tiver muitos bordados ou rendas, por exemplo, o melhor é optar por um véu liso ou somente com detalhe na barra. O decote do vestido também devem manter o equilíbrio com o modelo do véu.

Como combinar o acessório de cabelo com o vestido? Há regras para esse detalhe?
Patrícia Sabiá: Os acessórios devem ser escolhidos com muito cuidado. Eles serão um complemento e não podem sobressair ao vestido. Seja com véu ou não, um belo acessório de cabeça faz a diferença é pode arrematar o look da noiva. O ideal é aliar o penteado com o acessório e que ele se equilibre com o modelo do vestido. Quem escolhe um vestido sem muitos bordados ou rendas pode optar por acessórios mais ousados no topo da cabeça ou até mesmo como brincos e anéis com pedras coloridas, por exemplo. Para os modelos de vestido mais elaborados, acessórios leves e com materiais naturais, como flores delicadas e plumas, são as melhores opções.

Quais são suas dicas para a hora de orientar o traje das convidadas da festa (mãe, irmã, madrinhas)?
Patrícia Sabiá: Madrinhas, mães e convidadas devem seguir os mesmos critérios que a noiva utilizou para a escolha do seu vestido: prioridade com o estilo próprio e bom senso. É comum que se pergunte a noiva se ela tem uma cartela de cores e comprimentos que gostaria de ver as convidadas usando em seu casamento, mas acredito que o bom senso de cada uma deve vir em primeiro lugar. Decotes profundos ou fendas exageradas não são de bom tom para o uso das madrinhas.